Centrium Sistemas - ERP para indústria: o que é, funcionalidades e dicas para escolher
Erp para ind%c3%bastria o que %c3%a9  funcionalidades e dicas para escolher

ERP para indústria: o que é, funcionalidades e dicas para escolher

Utilizar um ERP para indústria é fundamental na automação dos processos empresariais. Graças ao movimento de digitalização, a Indústria 4.0 revolucionou o setor, gerando resultados cada vez melhores.

Além de garantir a eficiência das operações, o ERP é uma ferramenta tecnológica capaz de aumentar a margem de lucro e ainda reduzir os custos de produção. Se você ainda não possui um ERP auxiliando na gestão de sua empresa, esse artigo é para você.

Acompanhe e confira como ele pode auxiliar o seu negócio.

ERP para indústria: o que é?

Antes de tudo, ERP é a sigla para Enterprise Resource Planning. Nada mais é do que um sistema de gestão que faz a integração de todos os processos do negócio.

Trata-se de um software que conecta os departamentos, setores e processos da empresa através do tratamento de seus  dados.

Na prática, o ERP unifica processos corporativos como, contabilidade, gestão de pedidos, finanças, vendas, recursos humanos, entre outros,

Desse modo, é uma solução que otimiza e facilita o  controle da empresa e melhora a tomada de decisão do gestor ou do dono do negócio.

Em síntese, o ERP industrial é um sistema que capacita o gerenciamento do chão de fábrica, transformando o processo de manufatura.

Qual a importância de um ERP industrial?

A princípio, o ERP para indústria é importante porque permite centralizar as informações relacionadas ao chão de fábrica, promovendo o aumento da produtividade e redução de custos. Contudo, a aplicação da ferramenta não se restringe ao processo de manufatura.

Ela também gerencia o trabalho administrativo, de forma unificada. Em outras palavras, o sistema de gestão fornece uma visão ampla e estratégica de toda a empresa.

Desse modo, os funcionários conseguem trabalhar de maneira colaborativa e assertiva, já que são orientados por dados precisos.

Como resultado, você tem uma operação bem-sucedida, além de atingir suas metas de negócio em menos tempo e conseguir atender a expectativa de seus clientes.

Conheça as funcionalidades do ERP

De antemão, o ERP oferece diversas melhorias à atividade industrial, afinal, o software integra as áreas de produção, estoque, comercial e requisições internas.

Conheça a seguir os módulos do sistema integrado de gestão industrial e veja o que ele permite fazer.

Administrativo

Através da função administrativa, você pode gerar propostas comerciais, solicitações e cotações de compra ou venda.

Além disso, também é possível controlar o estoque de forma integrada com as linhas de produção, contabilidade e financeiro.

Financeiro

Já no módulo financeiro de um ERP para indústria, você consegue controlar as contas a pagar e a receber, realizar conciliações bancárias, gerar boletos para os clientes, além de fazer o gerenciamento do seu fluxo de caixa. 

Fiscal e Contábil

O sistema de gestão emite os documentos contábeis e fiscais exigidos para a entrega do SPED Contábil, Fiscal, REINF e Contribuições.

Além disso, ele emite automaticamente as notas fiscais eletrônicas.

Portanto, o ERP ajuda sua indústria a manter as obrigações fiscais sempre em dia.

Manufatura

O ERP industrial conta com outra funcionalidade que possibilita prever as vendas, bem como definir o planejamento e as diretrizes de chão de fábrica com maior eficiência.

Estamos falando do módulo de controle da produção.

Além disso, o ERP capacita sua empresa para implementação de metodologias de administração de processos.

Qualidade

Você precisa fazer a verificação das matérias-primas utilizadas no negócio, desde o recebimento até a estocagem e a produção?

Não se preocupe, pois, o ERP para indústria faz isso para você.

O módulo de gestão da qualidade permite acompanhar os produtos fabricados a partir do controle de lotes, da rastreabilidade e de análises e relatórios automatizados.

Sem falar que com ele, você pode controlar as rotinas de manutenção, predefinindo ações de manutenção preditiva, corretiva e preventiva.

 

Dicas para escolher o ERP para sua indústria

Agora que você já entendeu como o ERP pode agregar valor ao negócio, veja o que você deve analisar na hora de contratar um sistema ERP para sua indústria. Confira!

Entenda as demandas do segmento

Entender as demandas da indústria significa estar atento à atuação dos concorrentes e às necessidades dos clientes.

Assim, fica mais fácil se modernizar frente às transformações do mercado e descobrir o que você precisa fazer para acompanhar essas movimentações.

Foque na qualidade do ERP

O melhor software de gestão para indústria costuma ser o que apresenta maior qualidade no desenvolvimento, unido ao acompanhamento constante das novas tecnologias. Ou seja, aquele que entrega o que promete.

Para saber se o ERP tem qualidade e é validado pelo mercado, avalie cases e depoimentos de clientes.

Avalie os recursos e funções

Também é essencial analisar as funcionalidades do software, para descobrir se ele se encaixa no perfil da sua empresa.

De todo modo, vale a seguinte máxima: um ERP para indústria deve ser feito sob medida para as necessidades específicas do chão de fábrica.

Considere a disponibilidade de suporte

Todo sistema, até mesmo o mais robusto, está sujeito a passar por instabilidades.

Então, para evitar futuras dores de cabeça, é importante se certificar de que a empresa contratada oferece suporte especializado para o ERP que ela desenvolve.

Assim, você tem a quem recorrer quando precisar ou em caso de dúvida.

Por fim, nossa última dica é sobre o ERP Centrium, um software de gestão flexível e completo para otimizar sua operação industrial

Clique aqui e saiba mais

 

Sex, 17 de Setembro de 2021

CONTATO

Jaraguá do Sul - SC

Rua João Picolli, 104 - Apto 204

Centro / 89251-590

(47) 3371-8964

centrium@centrium.com.br


NEWSLETTER

Receba as nossas novidades